Walkers RPG BR

Monastério de São Bernardo de Clairvux (Zona Neutra)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Monastério de São Bernardo de Clairvux (Zona Neutra)

Mensagem por Ellie Gatsby em Dom Nov 02, 2014 3:31 pm


Monastério de São Bernardo de Clairvux

A morte é apenas o começo
Monastério de São Bernardo de Clairvux - Flórida
Periculosidade: Nula
Descrição: Um local incrivelmente intocado. Por ser pouco chamativo a maioria dos turistas, a maioria já alertada sobre o Apocalipse eminente, não houveram vítimas nem zumbis. É um lugar que foi e ainda é tranquilo, calmo, plácido e intocável a influências externas... Ou assim esperamos. Que permaneça assim. A pedra branca reluz ao sol de forma simples, convidando quem as olhar por muito tempo a se perder em pensamentos. Com jardins exuberantes, grandes salas de mármore sem móveis e vitrais magníficos, é um monastério de ar neutro para reorganizar as ideias e seguir em frente.


avatar
Ellie Gatsby
Administrador
Administrador

Mensagens : 59
Data de inscrição : 10/06/2014

Ficha de Sobrevivente
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Monastério de São Bernardo de Clairvux (Zona Neutra)

Mensagem por Jack V. Petrov em Sex Nov 13, 2015 1:01 pm


Take me to church


Interação - I


Alguns dias após a ficha cair sobre um mundo que se destruía aos poucos, o hotel onde me hospedara logo se acabara também, infestado daquelas pragas devoradoras de homens. Sozinho, já sem Natalia - a filha morta por um dos canibais -, caminhava sem rumo pela Flórida em busca de algo que me ajudasse naquela luta para sobreviver.

Mas afinal, qual era mesma a razão para viver?
"Seja forte, papai. Por mim."

À frente havia o que parecia uma construção intacta convidava-me como um imã; e, hipnotizado com tamanha beleza e perdido em pensamentos naquela pedra branca que aos poucos perdia o brilho com o pôr-do-sol, entrei.

O que mais me chamava a atenção era que aquele seria o primeiro local que não encontrara mortos, sangue, zumbis e nenhum vestígio apocalíptico. Os inúmeros salões mantinham sua simplicidade exuberante, além dos vitrais; embora nenhum móvel era encontrado ali. Continuei então explorando o que parecia ser um monastério, procurando por algo útil.




Inventário

✶Canivete [Um canivete simples com 10 centímetros de cabo e 8,5 centímetros de lâmina, totalizando 18,5 cm. Sua lâmina é considerada resistente, por mais que não possa ser forçado contra superfícies muito duras. Seu cabo é moldado em madeira rústica e envernizada com ótimo encaixa para ambas as mãos. Nele há também incluída uma pederneira que pode ser usada para gerar fogo, desde que saiba como fazer. Seu manejo não é complicado, mas melhora com perícias específicas.] (Sem uso mínimo) [Recebimento: Evento de Lançamento]
Habilidades

Nada relevante
avatar
Jack V. Petrov
Armas Brancas
Armas Brancas

Mensagens : 28
Data de inscrição : 25/10/2014
Idade : 24
Localização : Quer um GPS?

Ficha de Sobrevivente
Vida:
110/110  (110/110)
Energia:
110/110  (110/110)
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Monastério de São Bernardo de Clairvux (Zona Neutra)

Mensagem por Sky Wëhrl Wermöhlen em Sex Nov 13, 2015 1:47 pm

OH TAKE ME
INTO YOUR ARMS
AND NEVER LET ME GO


but today is a new day

Sky retirara o moletom e agora abanava-se com um pedaço de papel, o panfleto que a levara ao seu último incidente com zumbis desde então. Havia andado a tarde toda para chegar naquele local em busca de um lugar que não fedesse à podridão para dormir. As casas daquele perímetro, entretanto, enchiam-se com corpos de pessoas mortas ou zumbis já derrotados, o que fazia a garota perguntar-se quem passara por ali. A tentativa quase desesperada de encontrar um grupo de pessoas para pegar abastecimento ardia em seu ser, sendo o objetivo para o qual corria com mais vigor. Infelizmente, todas as companhias que encontrara até então não foram usuais e acabaram morrendo, como Jacob e Walter.

Todavia, o destino sorriu para ela. Ao longe, avistou uma espécie de igreja branca como nuvens limpas. Sob o céu vespertino, parecia intocada e incrivelmente limpa. Sky apertou o passo para chegar até lá, ansiosa por um descanso. Pediu silenciosamente para qualquer força divina que ouvisse primeiro para que ali tivesse um banheiro, porque tudo o que ela queria naquele momento era um banho frio para retirar de seus ombros o cansaço de uma andarilha. Contudo, não sabia se havia ali dentro zumbis. As portas estavam fechadas, e, pelo que sabia, um grupo de mortos-vivos poderia estar ali apenas esperando pela janta — que, no caso, seria a própria Sky. Desembainhou o facão apenas para prevenir e esmurrou as portas da igreja com um pontapé. Elas se escancararam abruptamente, batendo com estrondo na parede, e revelaram um interior intocado. Perfeito para ela.

Ate que enfim — exclamou, falando alto. Meteu o facão de volta na bainha e respirou fundo do ar santo daquele local. Nunca fora muito religiosa, apesar de sua crianção católica. Jogou-se em uma das bancadas e espreguiçou-se. Teria, enfim, uma boa noite de sono ali.


SKYLLA CHRYSLER WËHRL WERMÖHLEN
i am become death, the destroyer of worlds!
avatar
Sky Wëhrl Wermöhlen
Atiradores de elite
Atiradores de elite

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/11/2015
Idade : 24
Localização : Naquele último raio de sol, vermelho sangue.

Ficha de Sobrevivente
Vida:
55/140  (55/140)
Energia:
55/140  (55/140)
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Monastério de São Bernardo de Clairvux (Zona Neutra)

Mensagem por Jack V. Petrov em Sex Nov 13, 2015 2:16 pm


Take me to church


Interação - II


Os passos sutis, calmos e devagares, demonstravam certo cuidado para não chamar atenção alheia. O canivete mantinha-se guardado no meu bolso, a lâmina entre seu cabo. Até que ouvira um barulho e seguira-o, já segurando a arma firmemente, temendo que não fosse mais um zumbi.

Entrando em uma das salas o mais furtivo possível, respirei fundo enquanto meus olhos percorriam todo o lugar, tentando encontrar a origem de tal som - já que até então era tudo silêncio. Uma imagem humanóide, feminina, era visível em um canto, se espreguiçando. Ainda estava em boas condições, o que trouxera um alívio.

- Você tá bem? - Perguntei à garota, ainda mantendo certa distância enquanto guardava o canivete de volta.




Inventário

✶Canivete [Um canivete simples com 10 centímetros de cabo e 8,5 centímetros de lâmina, totalizando 18,5 cm. Sua lâmina é considerada resistente, por mais que não possa ser forçado contra superfícies muito duras. Seu cabo é moldado em madeira rústica e envernizada com ótimo encaixa para ambas as mãos. Nele há também incluída uma pederneira que pode ser usada para gerar fogo, desde que saiba como fazer. Seu manejo não é complicado, mas melhora com perícias específicas.] (Sem uso mínimo) [Recebimento: Evento de Lançamento]
Habilidades

✶ Furtividade: {1/1}
avatar
Jack V. Petrov
Armas Brancas
Armas Brancas

Mensagens : 28
Data de inscrição : 25/10/2014
Idade : 24
Localização : Quer um GPS?

Ficha de Sobrevivente
Vida:
110/110  (110/110)
Energia:
110/110  (110/110)
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Monastério de São Bernardo de Clairvux (Zona Neutra)

Mensagem por Sky Wëhrl Wermöhlen em Sex Nov 13, 2015 2:38 pm

OH TAKE ME
INTO YOUR ARMS
AND NEVER LET ME GO


but today is a new day

Fechou os olhos apenas por alguns segundos, coisa que não se permitia fazer lá fora por estar sozinha e ser perigoso demais manter a guarda baixa. Agora, estava sozinha e num lugar tranquilo. Ou era o que esperava. Realmente esperava. Uma voz masculina soou de algum lugar que ela não conseguiu desvendar onde. O fato de estar falando despreocupou-a no mesmo instante, porque significava que não era nenhum zumbi asqueroso. Ela não respondeu de imediato, apenas sorrindo cinicamente. O olhar perscrutou cada canto até vê-lo, um homem de barba escondido em uma inclinação lateral da igreja.

Nunca estive melhor — disse, então, recuperando a postura e levantando-se. Inclinou a cabeça, extraindo a informação de não estar mais sozinha ali. Não sabia até então se fora algo bom ou ruim. Ele poderia ser muito bem como aqueles dois anteriores que quiseram segui-la para permanecer sob os seus cuidados, mas que acabaram morrendo por incompetência depois. Sky molhou os lábios, começando a andar na direção do  homem. Ele parecia ser mais velho que ela, com aquela barba. Mas, sim, dava um certo charme. — Não precisa se esconder. Sou... inofensiva. — sorriu, parando ao lado de um dos bancos da frente, ainda mantendo uma certa distância entre os dois.

Os olhos inteligentes perscrutaram-no minuciosamente, dos pés à cabeça. Ele estava armado, mas sabia que não iria atacá-la. Caso quisesse, já teria feito enquanto ela "dormia". Não. Ele tinha um porte militar. Seus anos no exército holandês haviam-na treinado para deduções como aquelas, apenas na observação do corte de cabelo, da postura, dos traços de expressão. É claro que ela própria, por sua vez, disfarçava bem tais. Parecia muito mais jovem do que era, podendo passar-se por uma universitária com os hormônios à flor da pele. Mas ela sabia tanto do mundo quanto qualquer um.

Perdido? — sussurrou, erguendo uma sobrancelha.


SKYLLA CHRYSLER WËHRL WERMÖHLEN
i am become death, the destroyer of worlds!
avatar
Sky Wëhrl Wermöhlen
Atiradores de elite
Atiradores de elite

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/11/2015
Idade : 24
Localização : Naquele último raio de sol, vermelho sangue.

Ficha de Sobrevivente
Vida:
55/140  (55/140)
Energia:
55/140  (55/140)
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Monastério de São Bernardo de Clairvux (Zona Neutra)

Mensagem por Jack V. Petrov em Sex Nov 13, 2015 9:48 pm


Take me to church


Interação - III


A garota levantou-se e veio à minha direção. Seu jeito já deixava claro que estava ótima - em todos os sentidos. Sorri com suas palavras, me aproximando dela também. A postura rígida talvez ainda denunciava alguma ligação com os anos de militar na Rússia, mas talvez até já tenha sido corrompida pelo termpo no apocalipse. Meus olhos estudavam todo o seu corpo, tentando deduzir algo na morena. Mas nada saia.

- Ah, poderia te ajudar a ficar bem, mas se já não precisa... - Dei de ombros, parando à frente dela. - Não posso dizer que sou inofensivo, mas... não lhe atacarei. - Sorri enquanto a fitava. - E perdido? Acho que não. Só queria encontrar algo. Ou alguém. E você?




Inventário

✶Canivete [Um canivete simples com 10 centímetros de cabo e 8,5 centímetros de lâmina, totalizando 18,5 cm. Sua lâmina é considerada resistente, por mais que não possa ser forçado contra superfícies muito duras. Seu cabo é moldado em madeira rústica e envernizada com ótimo encaixa para ambas as mãos. Nele há também incluída uma pederneira que pode ser usada para gerar fogo, desde que saiba como fazer. Seu manejo não é complicado, mas melhora com perícias específicas.] (Sem uso mínimo) [Recebimento: Evento de Lançamento]
Habilidades

Nada relevante
avatar
Jack V. Petrov
Armas Brancas
Armas Brancas

Mensagens : 28
Data de inscrição : 25/10/2014
Idade : 24
Localização : Quer um GPS?

Ficha de Sobrevivente
Vida:
110/110  (110/110)
Energia:
110/110  (110/110)
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Monastério de São Bernardo de Clairvux (Zona Neutra)

Mensagem por Nathan B. Dettwiller em Sab Nov 14, 2015 7:24 am


Monastério
a morte é apenas o começo
Mais uma noite chegava e Nathan já havia perdido a conta de quantos dias se passaram desde o começo da praga. O anoitecer significava perigo aos sobreviventes, mesmo quando se tem uma lanterna. Pode-se dizer que os mordedores possuem certa vantagem uma vez que você chama muito mais atenção para conseguir enxergar, ficando muitas vezes mais exposto do que quando anda sob a luz do dia. Aquele era o momento para encontrar seu próximo abrigo temporário.

Abusando do restante da luz solar, ainda na pequena travessa, o pequeno garoto suspirou enquanto verificava seus recursos dentro da mochila. Notou que ainda havia comida, seu moletom estava lá para o caso de esfriar ou precisar de um travesseiro improvisado, o cantil de água estava cheio, os remédios e o iodo também intactos. Tudo que precisava para a noite estava ali. Tocou então em sua bainha a fim de verificar a presença de seu facão e logo em seguida tocou em sua lanterna, muito bem guardada eu seu suporte preso ao cinto.

— Tudo pronto para a noite... — sussurrou para si mesmo fechando o zíper da mochila e sacando o cantil para então dar um pequeno gole na água antes de guardá-lo novamente. Foi então que observou a construção antiga não muito longe de onde estava. O jardim à sua frente estendia-se por todo o seu exterior, ainda que precisasse de alguns cuidados. Parecia um lugar calmo e ideal para se instalar.

● ● ●

Chegando ao local, que reconheceu como sendo um monastério, adentrou por uma janela semiaberta ao lado da construção, deparando-se com um pequeno quarto que levava a um corredor. O lugar parecia intacto, como se os mordedores não tivessem se interessado pelas vidas que existiram ali. Sem sangue, sem destruição, era um dos poucos locais intocados que Nathan encontrara após o inicio do apocalipse.

Caminhou silenciosamente pelos corredores mantendo em mãos seu facão para casos de emergência. Passou por diversas salas e salões que existiam para diversos fins, sendo uns irreconhecíveis para o garoto. Sua vontade de se instalar no primeiro quarto vazio foi enorme, mas era melhor checar todo o perímetro antes de declarar paz.

Foi quando ouviu as vozes. Já não escutava uma voz humana há meses e temeu estar ficando louco por um momento, porém, mesmo assim decidiu abaixar-se e espreitar até a porta da sala de onde o som vinha. Com muito cuidado, observou pelo canto da porta que de fato existiam dois sobreviventes ali. Não sabia como deveria agir naquele momento. Deveria correr?Conversar? Talvez atacar para garantir mais recursos? Concluiu que deveria observar antes de qualquer coisa.

Esperando por um momento oportuno, aguardou até que ambos desviassem o olhar da entrada do quarto e se arrastou silenciosamente para trás de um dos bancos semelhantes aos de igreja presentes no local. Parado ali continuava espreitar-se a fim de ver e ouvir o que estava acontecendo e decidir qual seria a sua ação.

Mas então cometeu um erro.

Ao virar-se repentinamente, a mochila em suas costas abusou do impulso que recebeu e acertou a madeira da parte traseira do banco, fazendo um barulho bem audível com o choque da lata de feijão com o material do banco. Alarmado, começou a engatinhar para longe do lugar onde os sobreviventes estavam, em direção a uma das paredes da sala. Segurava com força o cabo do facão, temendo um combate que talvez viesse a ocorrer.

Itens:
✶{Facão} [Possuindo uma lâmina prateada com cerca de 25,5 cm de comprimendo, a arma muito bem afiada vem acompanhada de uma bainha de couro resistente que facilita tanto o acesso ao objeto  quanto a movimentação portando este. Não é pesado e pode ser manejado por usuários sem muita dificuldade, mas seu uso é ampliado com a perícia adequada.] (Sem uso mínimo) [Recebimento: Evento de Lançamento]

✶ {Feijão Enlatado} [Uma lata com feijão dentro. Pode ser aberta puxando uma argola na tampa sem complicação alguma. Recupera 35 de energia e 40 de fome.] (Sem nível mínimo) [Recebimento: Prêmio Pela Ficha de Sobrevivente] (Uma lata)

✶ {Blusa de Moletom} [Uma simples blusa de moletom preta sem detalhe algum. Não é muito grossa, mas serve muito bem para se esquentar. Possui um capuz ligado à blusa e este também não é muito grosso.] (Sem nível mínimo) [Recebimento: Prêmio Pela Ficha de Sobrevivente]

✶ {Frasco de Remédios} [Um frasco simples de remédios que servem para diminuir dores ou febre] (Sem nível mínimo) [Recebimento: Prêmio Pela Ficha de Sobrevivente] (5 Pílulas Restantes)

✶ {Mini Lanterna Led} [Uma pequena lanterna preta que, mesmo com seu tamanho pequeno e portátil, pode iluminar uma grande área. São necessárias pilhas específicas para usá-la.] (Sem nível mínimo) [Recebimento: Prêmio Pela Ficha de Sobrevivente] (Vem com um par de pilhas necessárias para ligá-la)

✶ {Iodo} [Um pequeno frasco com iodo que pode ser usado para purificar água.] (Sem nível mínimo) [Recebimento: Prêmio Pela Ficha de Sobrevivente] (5 Usos Restantes)

✶ {Cantil de Água} [Cantil redondo feito em plástico polipropileno inodoro, revestido com folha de aço galvanizado e manta de poliéster preta. Tem capacidade para 2,5 litros] (Sem nível mínimo) [Recebimento: Prêmio Pela Ficha de Sobrevivente] (1,5 Litros Restante)
Death is only the beginning ♦ Walkers


And I love the way you hurt me...
It's irresistible.
avatar
Nathan B. Dettwiller
Sobreviventes
Sobreviventes

Mensagens : 13
Data de inscrição : 21/10/2014
Idade : 15
Localização : Vai saber...

Ficha de Sobrevivente
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Monastério de São Bernardo de Clairvux (Zona Neutra)

Mensagem por Sky Wëhrl Wermöhlen em Dom Nov 15, 2015 5:37 pm

OH TAKE ME
INTO YOUR ARMS
AND NEVER LET ME GO


but today is a new day

Divertia-se tanto em manter-se tão neutra numa conversa. Era uma espécie de Sherlock Holmes pós-apocalíptico, uma vez descobrindo tanto de outras pessoas enquanto não havia nada nela que revelasse o mínimo possível. Todavia ainda haviam nomes a serem expostos, e, pelo que uma velha crença pagã que seus antepassados costumavam pregar, as palavras eram a pior das armas quando se sabia o nome do inimigo. Mas talvez aquele ex-militar não fosse seu inimigo, afinal. Sky colocou uma mecha de cabelo atrás da orelha, perscrutando com cuidado o rosto do colega.

Estou aqui só para passar a noite — respondeu calmamente. E sinceramente. Os olhos desviaram-se apenas alguns momentos para percorrer ao redor, vasculhar o lugar silencioso que vazia uma simples conversa casual parecer a mais barulhenta das bandas de rock. — É isso o que uma andarilha faz. Aproveita-se de toda merda útil que esse mundo oferece para manter-se viva. — falou com certo desprezo, movendo o maxilar e mordendo a parte inferior de sua bochecha.

E um barulho metálico chamou sua atenção. Era meio abafado, o que sugeria estar dentro de alguma coisa. Sky ficou em alerta no mesmo momento, desviando o olhar novamente do homem à sua frente e esquadrinhando o âmbito. Inspirou profundamente o ar, levando a mão ao facão e caminhando lentamente por entre os bancos. E, parando em seguida, abriu um sorriso cínico, seguido de uma risada baixa, mas não menos sarcástica.

Certo — ela disse, apoiando o quadril na bancada mais próxima. — Não precisa brincar de esconde-esconde. Se você não se mostrar, vamos te considerar como inimigo, e, acredite, bebê, você não quer isso.


SKYLLA CHRYSLER WËHRL WERMÖHLEN
i am become death, the destroyer of worlds!
avatar
Sky Wëhrl Wermöhlen
Atiradores de elite
Atiradores de elite

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/11/2015
Idade : 24
Localização : Naquele último raio de sol, vermelho sangue.

Ficha de Sobrevivente
Vida:
55/140  (55/140)
Energia:
55/140  (55/140)
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Monastério de São Bernardo de Clairvux (Zona Neutra)

Mensagem por Jack V. Petrov em Dom Nov 15, 2015 6:54 pm


Take me to church


Interação - IV


Não chegava a ser incômodo, mas era uma sensação estranha notar aquele olhar observador da sobrevivente. Conhecia muito bem aquele tipo. Entretanto, sentia que não fazia aquilo por mal. Era como se fosse para proteção própria desvendar o próximo. Ou apenas um costume. Mas era mais estranho ainda o fato de ela ser tão parecida comigo.

Não pude conter um sorriso com as palavras dela, lembrando de quando tinha as missões pelo exército russo e tinha que sobreviver sem muitas condições em lugares desconhecidos. Meus próprios olhos também analisavam a jovem mulher, buscando entender o motivo de tamanha familiaridade.

Meus pensamentos foram cortados por um barulho que viera de outro canto daquele mesmo recinto. Algo aparentemente metálico, abafado, o típico som de um rato novato, mal-treinado, ao tentar se esgueirar pela cozinha em busca do seu queijo. Aquilo fez com que voltasse a visão para o resto do ambiente, procurando por quem fizera aquilo. E era melhor o ratinho sair da toca.

"Não vou descobrir enquanto continuar aqui", concluí mentalmente. Retirei o canivete do bolso e andei pelo lado oposto em que a morena estava, a fim de localizar algo. Não, aquilo não era mais um dos mortos-vivos. Eles não seriam tão... discretos? Bem, vendo aquela situação, era difícil escolher o adjetivo certo. Mas um zumbi definitivamente não se conteria. Então por que estarua se escondendo? Medo? Ou era um inimigo?

Assim que a garota provocara a tal terceira pessoa, segurei uma risada, vendo, do outro lado, um possível adolescente oculto na bancada à frente dela.

- Eu sei que é irônico um militar dizer isso, mas... - Suspirei, me aproximando de ambos. - Não precisam se matar. Já basta aqueles que estão lá fora tentando isso.




Inventário

✶Canivete [Um canivete simples com 10 centímetros de cabo e 8,5 centímetros de lâmina, totalizando 18,5 cm. Sua lâmina é considerada resistente, por mais que não possa ser forçado contra superfícies muito duras. Seu cabo é moldado em madeira rústica e envernizada com ótimo encaixa para ambas as mãos. Nele há também incluída uma pederneira que pode ser usada para gerar fogo, desde que saiba como fazer. Seu manejo não é complicado, mas melhora com perícias específicas.] (Sem uso mínimo) [Recebimento: Evento de Lançamento]
Habilidades

Nada relevante
avatar
Jack V. Petrov
Armas Brancas
Armas Brancas

Mensagens : 28
Data de inscrição : 25/10/2014
Idade : 24
Localização : Quer um GPS?

Ficha de Sobrevivente
Vida:
110/110  (110/110)
Energia:
110/110  (110/110)
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Monastério de São Bernardo de Clairvux (Zona Neutra)

Mensagem por Nathan B. Dettwiller em Dom Nov 15, 2015 7:04 pm


Monastério
a morte é apenas o começo
Nathan estava certo de que aquilo não acabaria em coisa boa. Tinha quase certeza de que sua reação levaria os dois a atacá-lo, e não conseguiria lutar contra ambos de uma só vez. Mantinha a expressão séria, sem demonstrar o medo que começava a brotar em seu peito aos poucos. Tinha sorte por saber esconder bem suas emoções, ou ficaria ainda mais vulnerável do que já estava.

Contra todas as expectativas do adolescente, a garota se encostou no banco mais próximo e riu da cara dele, fazendo-o erguer uma única sobrancelha e começar a se recuperar do choque inicial. Voltava a ter controle racional de suas ações, por mais que seus instintos de sobrevivência ainda gritassem pra ele não abaixar a guarda. Uma coisa era certa naquele momento: A primeira impressão sobre a mulher não tinha sido nem de perto uma das melhores.

— Isso por um acaso parece uma brincadeira, biscate? — disse de maneira um pouco ríspida em resposta, cerrando o punho livre enquanto se levantava. Neste momento observou que o homem também se aproximava armado. Notou que talvez não fosse uma boa ideia discutir com duas pessoas, ainda mais depois da palavra militar ser citada.

Afastando-se dos dois ainda de punhos cerrados, relaxou um pouco os músculos encostando-se na parede atrás de si. Não fazia ideia de como proceder naquele momento, era claro que sua vontade não era ficar, muito menos lutar, mas não era uma boa ideia simplesmente correr ou ignorar nenhum dos dois. Fitou o militar por alguns segundos de cima a baixo, abaixando ambos os braços e aliviando a tensão em sua mão livre.

— Não estou atrás de confusão. — disse por fim aguardando a reação deles para então resolver o que faria.

Itens:
✶{Facão} [Possuindo uma lâmina prateada com cerca de 25,5 cm de comprimendo, a arma muito bem afiada vem acompanhada de uma bainha de couro resistente que facilita tanto o acesso ao objeto  quanto a movimentação portando este. Não é pesado e pode ser manejado por usuários sem muita dificuldade, mas seu uso é ampliado com a perícia adequada.] (Sem uso mínimo) [Recebimento: Evento de Lançamento]

✶ {Feijão Enlatado} [Uma lata com feijão dentro. Pode ser aberta puxando uma argola na tampa sem complicação alguma. Recupera 35 de energia e 40 de fome.] (Sem nível mínimo) [Recebimento: Prêmio Pela Ficha de Sobrevivente] (Uma lata)

✶ {Blusa de Moletom} [Uma simples blusa de moletom preta sem detalhe algum. Não é muito grossa, mas serve muito bem para se esquentar. Possui um capuz ligado à blusa e este também não é muito grosso.] (Sem nível mínimo) [Recebimento: Prêmio Pela Ficha de Sobrevivente]

✶ {Frasco de Remédios} [Um frasco simples de remédios que servem para diminuir dores ou febre] (Sem nível mínimo) [Recebimento: Prêmio Pela Ficha de Sobrevivente] (5 Pílulas Restantes)

✶ {Mini Lanterna Led} [Uma pequena lanterna preta que, mesmo com seu tamanho pequeno e portátil, pode iluminar uma grande área. São necessárias pilhas específicas para usá-la.] (Sem nível mínimo) [Recebimento: Prêmio Pela Ficha de Sobrevivente] (Vem com um par de pilhas necessárias para ligá-la)

✶ {Iodo} [Um pequeno frasco com iodo que pode ser usado para purificar água.] (Sem nível mínimo) [Recebimento: Prêmio Pela Ficha de Sobrevivente] (5 Usos Restantes)

✶ {Cantil de Água} [Cantil redondo feito em plástico polipropileno inodoro, revestido com folha de aço galvanizado e manta de poliéster preta. Tem capacidade para 2,5 litros] (Sem nível mínimo) [Recebimento: Prêmio Pela Ficha de Sobrevivente] (1,5 Litros Restante)
Death is only the beginning ♦ Walkers
avatar
Nathan B. Dettwiller
Sobreviventes
Sobreviventes

Mensagens : 13
Data de inscrição : 21/10/2014
Idade : 15
Localização : Vai saber...

Ficha de Sobrevivente
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Monastério de São Bernardo de Clairvux (Zona Neutra)

Mensagem por Sky Wëhrl Wermöhlen em Dom Nov 15, 2015 7:24 pm

OH TAKE ME
INTO YOUR ARMS
AND NEVER LET ME GO


but today is a new day

O som da palavra biscate chegou aos seus ouvidos como uma piada sensacional, fazendo-a abrir ainda mais o sorriso saciado de cinismo. O garoto não passava de uma criança que tivera a sorte de sobreviver sem a mamãezinha para protegê-lo, era o que Sky pensava. Sorte ou azar. Não iria dar-se o trabalho de lutar contra um guri, não ali, mesmo se ele quisesse; entretanto, era óbvio que ele não queria. Sky lançou um olhar na direção do outro homem e depois voltou a observar o garoto. E, por fim, enfiou o facão de volta na bainha, cruzando os braços em frente ao busto em seguida.

Também não queremos confusão — ela respondeu, erguendo uma sobrancelha. Se desencostou do banco e andou lentamente por ali por perto, voltando a observar o local. Sua maior preocupação era que ambos ficassem ali durante a noite com ela e tentassem roubá-la, os poucos suprimentos que tinha. Mas não havia outra opção, porque nenhum outro lugar estava em condições para um ser vivo habitar. — Na verdade, não 'tô querendo nada a não ser uma boa noite de sono — disse, e, virando-se, encarou a ambos. Não sorria mais, mas havia um brilho extremamente sugestivo no olhar. — Portanto, se querem ficar, é melhor não tentarem nada.

Sky passou a língua pelos lábios e afastou-se mais um pouco. Largou a mochila sobre um dos bancos, ouvindo o mesmo barulho metálico que havia vindo do garoto momentos antes, e depois jogou-se no banco ao lado dos seus pertences. Respirou profundamente antes de voltar sua atenção para qualquer um deles. Levou um momento para decidir se deveria dizer-lhes o seu nome ou não, porém, se ia passar a noite com estranhos, o melhor era desenvolver algum pseudo-vínculo para garantir sua sobrevivência.

Me chamo Sky, by the way — a garota falou, estalando a língua.


SKYLLA CHRYSLER WËHRL WERMÖHLEN
i am become death, the destroyer of worlds!
avatar
Sky Wëhrl Wermöhlen
Atiradores de elite
Atiradores de elite

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/11/2015
Idade : 24
Localização : Naquele último raio de sol, vermelho sangue.

Ficha de Sobrevivente
Vida:
55/140  (55/140)
Energia:
55/140  (55/140)
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Monastério de São Bernardo de Clairvux (Zona Neutra)

Mensagem por Jack V. Petrov em Qua Nov 18, 2015 7:20 pm


Heaven Knows


Interação - V


o pequeno garoto mostrou-se bravo ao confrontar a sobrevivente, que me surpreendeu ao não avançar nele também - fazendo com que não precisasse separar uma possível briga.

Após fitar-me por um tempo, o mais novo pareceu relaxar e abaixou sua arma. A morena mantinha-se na dela, apenas analisando a situação e trocando indiretas com aquele menino. Guardei também o meu canivete e suspirei, ainda de pé, observando o local e os dois. Meus pertences estavam no hotel, provavelmente com Margot, caso ainda estivesse viva. "Não posso deixá-la muito tempo só. E minhas coisas estão lá", lembrei a mim mesmo. Só tinha saído de lá e percorrido os arredores em busca de alguma coisa que ajudasse na nossa sobrevivência.

Mas, ao olhar para aquele jovem, a imagem de Natalia vinha à cabeça. De como morreu sem eu não ter consiguido salvá-la. Não deixaria aquele erro se repetir.

-E você tá bem? - Perguntei depois de me aproximar dele.

Ainda era um mistério quem realmente eram e o que faziam antes de tudo aquilo acontecer, além do que os levara até ali. Mas, mesmo com a desconfiança, estávamos unidos por uma única coisa: a vontade de sobreviver e, quem sabe um dia, viver.

- Petrov. - Prosseguira. - Jack Petrov.

Seria uma boa ideia confiar neles? E deixar por mais um tempo Margot sozinha? Era um risco que tinha aceitado, um tiro no escuro.




Inventário

✶Canivete [Um canivete simples com 10 centímetros de cabo e 8,5 centímetros de lâmina, totalizando 18,5 cm. Sua lâmina é considerada resistente, por mais que não possa ser forçado contra superfícies muito duras. Seu cabo é moldado em madeira rústica e envernizada com ótimo encaixa para ambas as mãos. Nele há também incluída uma pederneira que pode ser usada para gerar fogo, desde que saiba como fazer. Seu manejo não é complicado, mas melhora com perícias específicas.] (Sem uso mínimo) [Recebimento: Evento de Lançamento]
Habilidades

Nada relevante
avatar
Jack V. Petrov
Armas Brancas
Armas Brancas

Mensagens : 28
Data de inscrição : 25/10/2014
Idade : 24
Localização : Quer um GPS?

Ficha de Sobrevivente
Vida:
110/110  (110/110)
Energia:
110/110  (110/110)
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Monastério de São Bernardo de Clairvux (Zona Neutra)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum