Walkers RPG BR

Área de Treinamentos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Área de Treinamentos

Mensagem por Noah B. Hastings em Sex Jan 03, 2014 8:36 am


Área de Treinamento


Esta é uma área ON, ou seja, poste com coerência. Nesta área vocês podem postar os "treinamentos" que ao contrário do que o nome sugere, é sim uma situação real.

"Então qual é a diferença de um treinamento para uma missão?"

Em uma missão, o perigo é real e nesta página como são apenas "treinos", as mensagens postadas irão valer 100 Exp no máximo e nela você não pode morrer nem perder balas. Não haverá modificação alguma na ficha de sobrevivente, com exceção é claro da experiência e nível.

Vale lembrar que mesmo que as balas não sejam retiradas do seu perfil, para que seu texto tenha coerência você poderá usar apenas a quantidade de balas que seu personagem tem atualmente, ou seja, caso você tenha apenas cinco tiros de alguma arma e atire seis vezes com ela, pontos serão desconsiderados de seu prêmio final por incoerência, coisa que em uma missão pode ser fatal.

Nos treinos você irá narrar uma situação de risco que deverá ser postada como se fosse uma missão One-Post. Um exemplo de treino seria seu personagem tentando atravessar uma área, pegar suprimentos, escapar de um assassino, entre outras situações.

Lembre-se de sempre deixar explícita a quantidade de tiros que você disparou e com que arma. Em casos de metralhadora, você pode estipular uma quantidade aproximada de tiros disparados. Outra forma de deixar isso claro, é escrever que você esgotou um pente e precisa substituí-lo. Para melhor controle de tiros disparados, tente colocar sempre a quantidade de disparos em spoiler ou code no final do seu post.

Você pode postar apenas um único treino a cada avaliação, então apenas a partir do momento que um Administrador posta uma avaliação, você pode postar outra novamente.






Condição Geral de Postagem



• Condições climáticas: Definida pelo player;
• Horário: Definido pelo player;
• Local: Definido pelo player;
• Sem mortes ou perdas de itens;
• O não cumprimento das regras aqui descritas poderá acarretar em punições diversas;
• Se tiverem alguma dúvida, podem perguntar a qualquer Administrador por Mensagem Privada (MP);
• Não há mínimo nem máximo de linhas ou palavras exceto pelas já especificados nas regras gerais, mas espera-se um post bem descrito;
• Quaisquer habilidades ou equipamentos utilizados por vocês devem vir em spoiler;
• Sem máximo nem mínimo de equipamentos, desde que seja possível levá-los;
• Esse tópico é monitorado e avaliado apenas pela Administração;

— Cada player pode postar um  único treino por atualização, independente do tipo de treino;
— O descumprimento da regra acarretará a anulação dos treinos posteriores ao primeiro.

• Ao serem detectados quaisquer sinais de plágio, punições severas serão aplicadas.

— A primeira punição será o banimento por IP durante uma semana;
— Numa segunda infração, a punição será banimento permanente.


♦ Death is only the beginning ♦ Walkers
avatar
Noah B. Hastings
Administrador
Administrador

Mensagens : 72
Data de inscrição : 02/01/2014

Ficha de Sobrevivente
Vida:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Energia:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Inventário:

Ver perfil do usuário http://walkersrpgbr.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Área de Treinamentos

Mensagem por Cassie Hudsson em Qua Nov 18, 2015 11:16 am

As paredes estavam riscadas em giz azul, tomadas por uma vibração soturna. Diziam elas recados, amores, tristezas e homenagens. Choravam pela tristeza de outros, assim como sorriam pela sobrevivência de alguns. Espalhados pelo local haviam alguns bancos, armários preenchidos por elementos desconhecidos, e livros que mofavam ao canto. Gwen encontrava-se perante a eles, fixando seus olhos em pequenas letrinhas e tentando compreender os mistérios da química.

Cassie colocara nas costas uma mochila acinzentada, carregando em suas mãos um facão recém afiado. Os olhos recorreram todo o laboratório mais uma vez, certificando-se que sua parceira não sofreria qualquer situação que a deixasse sozinha ao mundo. Após a morte de Danny, algumas medidas foram tomadas, e na maior parte do tempo, mal trocavam uma palavra por medo dos ruídos atraírem más companhias.

Adentrou um corredor profundo. Residiam em uma antiga escola, especialmente para o Ensino Médio. Não era lá uma boa ideia, e ao fundo sabia disto, entretanto, Gwen acreditava que ela poderia fornecer um conhecimento satisfatório e ingredientes para sua super-bomba-megazord. O problema não era sua entrada, que parecia ter sido “varrida” antes de sua chegada, mas os fundos onde guardavam os ingredientes. Dali nada sabia.

Não a veio em mente o tempo, mas talvez estivesse a uns cinco minutos por ali, em pleno silêncio. Alguns portas estavam trancadas, com avisos reforçados com giz e tinta, alegando o perigo que as residia. Outras permaneciam escancaradas, revelando um ambiente desarrumado e sujo, embora nenhum lurker parecia viver em seus escombros. Virou a esquerda, e uma escada descera para um sótão.

A sótão terminava em uma alta porta de madeira. Uma plaquinha estava pendurada logo a frente, um pouco rasgada, entretanto era fácil reconhecer suas palavras: Estoque. Apertou o facão com força, abrindo a porta com cuidado.

Fazia muito frio por ali, e a escuridão tomava conta de todo o local. Levou seus dedos até a parede, deslizando-os até um interruptor. Para sua sorte, a luz iluminou boa parte, e aparentemente, nenhuma má companhia estava dispersa, facilitando seus movimentos. Caminhou entre as estantes, lendo rótulos e procurando pelos ingredientes ditos por Gwen, mas nada parecia fazer muito sentido.

Encontrou, mais ao canto, uma grande lata de milho, que poderia facilmente ser esvaziada. Talvez pudesse ser de alguma ajuda, constatando que a amiga não dissera uma palavra sobre uma superfície onde a bomba seria construída. Cuidadosamente, abriu sua mochila e trouxa a lata para perto desta. Os dedos escorregaram e um banque surdo tocou o chão, emitindo um eco curto, porém alto.

Não demorou para os ruídos surgirem. Eram ao total três, ao contar por seus arrastos e gemidos. O primeiro a aparecer vestia um grande suéter azul. A pele colada aos ossos, e a expressão vazia em seus olhos amarelados, a fazia tremer, suplicando por um Deus que esquecera de salvar a humanidade. Cassie fora lerda, e o morto-vivo alcançara seu corpo, abrindo a boca próximo a seu ombro.

A mão direita segurava o facão, enquanto a outra empurrava a testa da besta, tentando a manter longe. Trouxe a arma para frente, e com um movimento rápido sua lâmina cortara as pernas da criatura, tombando-a para trás. A garota retirara de seu bolso um pequeno canivete, utilizando da força em seu pulso para arremessá-lo na cabeça do corpo. Talvez, ao fim, poderia salvar o suéter para si,

O segundo deslizava com mais sutileza, este era nitidamente uma mulher. Os seios permaneciam ali, embora muito pequenos e escassos. Os longos cabelos negros já estavam pela metade, e os olhos emitiam uma morte recente, talvez dentro de alguns quatro dias. Carregava ao pescoço um medalhão de ouro, e parecia muito bonita quando viva.

Quando viu Cassie, seus passos tornaram-se mais rápidos, e por conta disso, as pernas desajeitas encontraram o outro zumbi, e ela caíra por cima do morto. Uma de suas mãos levantara, procurando agarrar os braços da menina, mas desta vez, não deixou-se enganar, e levara o facão na direção de outra cabeça.

O terceiro não apareceu, parecia mais discreto do que outros. Cassie poderia facilmente pegar suas coisas com rapidez, e deixar o local antes de uma futura disputa, mas não queria ser o motivo da morte de outro alguém que adentrasse ali. Deixou sua mochila próximo a porta, e arrancou da cabeça do primeiro morto seu canivete, o colocando novamente em seu bolço. Logo estava a contornar todo o sótão, a procura do nítido grunhido.

O último era, para sua surpresa, uma adolescente. Jazia ali há muito tempo, pois os ossos podiam ser vistos abaixo de seu tórax, e já não possuía um dos braços — provavelmente a segunda anfitriã tentara uma luta. Longos cabelos louros, olhos possivelmente azuis, e um biquíni rosa claro. Deus, seja lá quem fosse, certamente era rodeada por meninos e olhares indesejáveis. Mas naquele momento, era simplesmente um cadáver.

A menina-zumbi agarrara um de seus braços, a puxando para perto. Cassie facilmente se desfez do toque, mas escorregara em uma poça de feijão, levando suas costelas para o chão. A dor penetrou em seu corpo, e os músculos suplicaram em agonia. A criatura continuava a aproximar-se, e tinha de recompor-se antes de uma tragédia.

Levantou uma de suas pernas, chutando a morta com total força. Neste intervalo de tempo, Cassandra voltou a estar em pé, segurando em suas mãos a arma que carregava desde então. Impulsionou o corpo a frente, enterrando a lâmina sobre o tecido pálido da cabeça da adolescente. O peito descera em um alivio, e imaginou que a roupa que antes queria teria de ficar para trás.

Voltou as prateleiras, conseguindo o necessário para a bomba de Gwen, e não demorou-se mais por aquele local. A escola estava repleta deles, e seria apenas uma questão de tempo até que as encontrassem. Assim que voltasse ao laboratório, juntaria sua amiga pelos braços e fugiriam dali.
armas:
✶{Facão} [Possuindo uma lâmina prateada com cerca de 25,5 cm de comprimento, a arma muito bem afiada vem acompanhada de uma bainha de couro resistente que facilita tanto o acesso ao objeto quanto a movimentação portando este. Não é pesado e pode ser manejado por usuários sem muita dificuldade, mas seu uso é ampliado com a perícia adequada.] (Sem uso mínimo) [Recebimento: Evento de Lançamento]

✶Canivete [Um canivete simples com 10 centímetros de cabo e 8,5 centímetros de lâmina, totalizando 18,5 cm. Sua lâmina é considerada resistente, por mais que não possa ser forçado contra superfícies muito duras. Seu cabo é moldado em madeira rústica e envernizada com ótimo encaixa para ambas as mãos. Nele há também incluída uma pederneira que pode ser usada para gerar fogo, desde que saiba como fazer. Seu manejo não é complicado, mas melhora com perícias específicas.] (Sem uso mínimo) [Recebimento: Evento de Lançamento]


Even if it's just in your wildest dreams


Oh, I’m a mess right now, Inside out

avatar
Cassie Hudsson
Curandeiros
Curandeiros

Mensagens : 24
Data de inscrição : 07/11/2015

Ficha de Sobrevivente
Vida:
110/110  (110/110)
Energia:
110/110  (110/110)
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Área de Treinamentos

Mensagem por Lindsey Johnson em Qui Dez 10, 2015 3:24 pm


avaliando
a morte é apenas o começo

Olá, Cassie! Como vai?

Então, garota, não tenho muito o que comentar sobre o seu treino, além de que foi muito bom. Você escreve realmente bem e me prendeu na leitura do início ao fim. O único problema foram alguns erros de concordância, como quando você escreveu “alguns portas” no lugar de algumas portas, ou “a sótão” no lugar de o sótão. Nada que um pouco mais de atenção e uma revisada no texto não possa resolver.

No mais, foi um ótimo post, parabéns!

— Coerência: 50/50
— Coesão, Estrutura e Fluidez: 23/25
— Objetividade e Adequação: 15/15
— Ortografia e Organização: 8/10
— Total: 96 exp



Death is only the beginning ♦ Walkers
avatar
Lindsey Johnson
Narrador
Narrador

Mensagens : 13
Data de inscrição : 03/12/2015

Ficha de Sobrevivente
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Área de Treinamentos

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum